quarta-feira, 10 de agosto de 2016

CAICÓ: SUBLEGENDAS ESTARIAM SENDO USADAS EM CAICÓ PARA TENTAR ENFRAQUECER DESEJO DE MUDANÇAS.

A Sublegenda ao que parece estará em moda nas eleições deste ano na cidade de Caicó, grupos políticos se dividiram, apresentaram candidatos a prefeito diferentes, talvez como maneira de dividir votos para enfraquecer os adversários, se não vejamos:

Por Chico Gregório, no seu blog

O grupo do PMDB, se dividiu entre as candidaturas do atual prefeito  e candidato a reeleição Roberto Germano, tendo Alex Dantas como vice, que  entrou na política pelas mãos do ex-prefeito Bibi Costa,  e seu ex-Líder Vereador Robinson Araújo, o Batata, que se filiou ao PSDB, também disputando  a prefeitura de Caicó, mesmo tendo sido líder e participando da administração municipal por mais de três anos.

Já o grupo controlado pelo deputado estadual Vivaldo Costa, também se dividiu em dois, apresentando o jovem estudante de medicina Judas Tadeu com pré-candidato a prefeito, tendo como vice Deibi Dantas. Ainda do mesmo grupo político, tem como candidato o atual presidente da Câmara Municipal de Caicó, vereador Nildson Dantas, que entrou na política pelas mãos do Papa,  apoiou em todas as eleições o grupo comandado pela família Costa.

Cabe ao eleitor decidir, vota na matriz ou na filial, entre Roberto Germano e Batata, que fizeram juntos a atual administração, em quem votar?

Entre Tadeu e Nildson Dantas, que sempre fizeram política juntos e seguindo o deputado Vivaldo Costa, qual a decisão do eleitor?

Relembrando os últimos pleitos, em 2010 em Caicó, Fátima Bezerra sem apoio expressivo, foi a deputada federal mais votada na cidade, contra os grupos tradicionais que apoiavam outros nomes.

Em 2012, Franciele Lopes foi a segunda colocada na disputa pela prefeitura de Caicó, ficando na frente do nome apoiado pelo prefeito Bibi Costa, e o deputado Vivaldo, talvez por isso, a preocupação de tirar Francielle da disputa pela prefeitura , colocando pra disputar cargo  de vereadora.

Em 2014, Fátima Bezerra , candidata ao senado contra os deputados Vivaldo e Alvaró Dias que apoiavam  juntos Vilma de Faria, também venceu as eleições em Caicó,  isso explica a divisão dos grupos, para enfraquecer essa tendência de mudança externada pelo eleitor caicoense.

O advogado  João Braz, que é pré-candidato a prefeito tendo como vice, o contador Vivaldo Miguel de Melo, o Melo, foi o único que conseguiu manter o grupo PcdoB, PDT, PT  unido em torno de uma única chapa.

Façam suas apostas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário