terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

CUIDADOS ESPECIAIS COM BEBÊS PREMATUROS É ESSENCIAL

Um prematuro não consegue manter a temperatura ideal do seu corpo, por essa razão, ele tem que ser colocado imediatamente numa incubadora após seu nascimento. O bebê também pode ter dificuldades para respirar, já que seu sistema respiratório ainda é imaturo. Por isso é necessário mantê-lo sob observação médica, monitorando a sua respiração e a frequência cardíaca.

“São bebês muito mais delicados, que exigem cuidados mais especiais. A maioria se recuperam, mas alguns podem ficar com sequelas. Cada órgão do bebê prematuro pode sofrer uma defasagem por não ter sido completamente elaborado. Mesmo depois que recebe alta, ele depende de uma atenção especial da mãe”, diz o secretário executivo da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), Carlos Silva.

Segundo o secretário, os riscos para um bebê prematuro sem a presença da mãe podem ser “irreparáveis”. Por isso, acredita que “as mulheres precisam de um amparo legal para exercerem seu direito de ser mãe e ainda se manterem no trabalho.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário