terça-feira, 29 de dezembro de 2015

POUPANDO ENERGIA ELÉTRICA

A chegada do novo ano é uma oportunidade para rever velhos hábitos e pagar menos na conta de luz

Banhos quentes demorados, uso constante de secador de cabelos e muita chapinha para um acabamento perfeito das madeixas. Esse trio, com certeza, ajudou a encarecer sua conta de luz em 2015. Mas os vilões do consumo de energia não atuaram sozinhos. A queda nos reservatórios das principais hidrelétricas do País por causa da falta de chuvas e o uso mais intensivo de termelétricas contribuíram para o encarecimento da energia. Com isso, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou reajustes mais altos nas faturas.

Além disso, neste ano, as contas de energia passaram a trazer o sistema de bandeiras tarifárias. Ele permite o repasse mensal aos consumidores de parte do gasto extra das distribuidoras com o aumento dos custos na obtenção da eletricidade. A cor da bandeira vem impressa no boleto de cobrança. A cor verde indica situação normal e, por isso, não há cobrança de taxa. Já a bandeira amarela significa condições menos favoráveis de geração de energia e um acréscimo de R$ 2,50 para cada 100 kWh de energia. A vermelha indica condições mais custosas de geração, o que implica em cobrança extra de R$ 4,50 a cada 100 kWh.

O preço da luz deve continuar alto em 2016. Apesar disso, é possível reduzir a conta de energia modificando alguns hábitos. E o melhor: a mudança também pode contribuir para um novo look. Afinal, banho quente demais resseca a pele. E cabelos com cachos naturais são a nova tendência, não é mesmo? 

Confira abaixo nossas dicas e economize no próximo ano. As informações são da Aneel, Eletropaulo e Eletrobras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário