quarta-feira, 3 de setembro de 2014

POR RACISMO DA TORCIDA, GRÊMIO É EXCLUÍDO DA COPA DO BRASIL

A condenação do time gaúcho se deu de forma unânime por conta das ofensas raciais de seus torcedores ao goleiro santista Aranha. O árbitro da partida também foi punido

Em decisão tomada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) na tarde desta quarta-feira (3), o Grêmio foi excluído da Copa do Brasil por conta das ofensas raciais feitas por seus torcedores contra Aranha, goleiro do Santos. Em quase quatro horas de sessão no Rio de Janeiro, os auditores resolveram unanimemente por 5 votos a 0 pela exclusão do clube e pagamento de multa total de R$ 54 mil.

A decisão não é definitiva, cabendo recurso com novo julgamento em segunda instância no Pleno do STJD, a ser marcado em 15 dias. Todavia, caso a exclusão do Grêmio seja confirmada, o Santos avançará automaticamente para a próxima fase da competição, aguardando apenas o vencedor do confronto entre Ceará e Botafogo.

O árbitro Wilton Pereira Sampaio também foi multado em R$ 1.600 e suspenso por 90 dias por não relatar o incidente na versão inicial da súmula, assim como seus auxiliares, com multas de R$ 1 mil e suspensão de dois meses para cada um. Os torcedores identificados xingando o goleiro santista foram proibidos de entrar em estádios por 720 dias

Na última quinta-feira (28), aos 42 minutos da etapa final em partida válida pelas oitavas de final da Copa do Brasil entre Santos e Grêmio, Aranha foi vítima de insultos racistas por torcedores do time da casa, reclamou para o árbitro e chegou a pedir para um operador de câmera que filmasse a atitude dos torcedores. Depois, registrou a ocorrência em uma delegacia de Porto Alegre e o clube gaúcho acabou denunciado ao STJD.

Fonte: Portal Forum

Nenhum comentário:

Postar um comentário