terça-feira, 29 de abril de 2014

TRABALHADORES VENEZUELANOS MARCHARÃO EM APOIO À REVOLUÇÃO

O vice-presidente da central socialista dos trabalhadores venezuelanos Franklyn Rondón afirmou nesta segunda-feira (28) que o movimento operário fará uma passeata no próximo dia 1º de maio para reivindicar a defesa da Revolução.

Neste dia de celebração internacional temos vários motivos para festejar, pois agora o país está passando por um momento diferente, explicou em uma entrevista à televisão estatal.

A classe operária está convocada nesta ocasião a assumir um papel protagônico na elevação da produção, explicou Rondón em referência à atual ofensiva econômica que acontece no país, centrada entre outros aspectos em diversificar e dinamizar o setor.

Elevar a consciência política e os níveis de produtividade deve ser o eixo central dos trabalhadores nestes momentos cruciais que o país vive, afirmou.

A Tomada da Pátria é o lema desta jornada, que reunirá o povo e os trabalhadores em uma grande caminhada que tomará a central avenida Bolívar.

Fonte: Prensa Latina

Nenhum comentário:

Postar um comentário